VAI COMEÇAR TUDO DE NOVO!!! Comissão eleitoral vai escrever novo Edital para Eleições a abrir inscrição para chapas interessadas

0
187

“Eita defunto difícil de enterrar”… A frase é do Ministro João Otávio de Noronha, do Tribunal Superior Eleitora, dita há alguns anos, quando julgava um recurso referente à cassação de um prefeito de Goiatuba.

Já havia se passado anos do início do processo, com vários recursos e inúmeros pedidos de vista. Em certa ocasião João Otávio de Noronha não se conteve e soltou esta pérola.

Acho que a frase cabe no atual momento por que passa a Associação Comercial e Industrial de Morrinhos que há 13 meses tenta eleger uma nova diretoria e não consegue.

A eleição que terminou com a vitória de Celisvaldo Inácio em novembro de 2016 foi contestada de forma inédita na Justiça, e por fim, anulada.

A decisão saiu exatamente um ano depois, em novembro de 2017, com determinação de realização de nova eleição. 

Não houve recurso da decisão local, e de lá para cá a diretoria da ACIM tenta, sem sucesso, realizar novo pleito eleitoral paa atender a determinação judicial.

Um estatuto confuso, cheio de remendos e contradições acaba por dificultar o processo.

O Edital convocando nova eleição também foi contestado.

Diante da flagrante fragilidade desses documentos, o processo eleitoral não consegue caminhar com fluidez e não há segurança jurídica.

A todo instante alguém fala que vai entrar na justiça e contestar uma ou outra decisão.

Em um PRIMEIRO momento montou-se uma chapa com a empresária Silvânia no cargo de presidente. A informação era de que havia um consenso em torno desta chapa. Depois, descobriu-se que este consenso nunca existiu e outra chapa foi criada.

Em um SEGUNDO momento, as duas chapas solicitaram seu registro, com Fernando José da Suprema encabeçando uma delas e Silvânia Ferraz da ASTEC encabeçando a outra.

Em um TERCEIRO momento, a Comissão eleitoral não homologou nenhuma das duas chapas, alegando que nem todos os documentos exigidos foram apresentados, por nenhuma das duas.

Em um QUARTO momento, a Diretoria que cumpre mandato tampão reuniu-se para criar uma chapa que seria indicada para a eleição, tendo em vista que nenhuma das duas que se inscreveram passaram pela análise da Comissão Eleitoral.

Em um QUINTO momento, Silvânia, que topou ser indicada para a presidência abriu mão de concorrer. Explicou que seu nome estaria à disposição para criar um consenso, e que a partir do momento que este consenso não fosse alcançado, ela não teria interesse em disputas.

Em um SEXTO momento, na reunião convocada pela diretoria, com seus membros ativos para então montar a chapa a ser apresentada à Comissão eleitoral, Fernando José manteve-se interessado em encabeçar a chapa e Silvânia manteve-se desistente desse propósito.

Em um SÉTIMO momento ressurgiu Reinaldo da REMA como interessado em também encabeçar uma chapa.

A votação para definir entre Fernando e Reinaldo já estava para começar, quando em um OITAVO momento, manifesta-se o empresário Celisvaldo da Leancelly`s, no meio da reunião, e coloca seu nome como interessado a também encabeçar uma nova chapa.

Em um NONO ato, a votação definiu Reinaldo da REMA como o indicado para encabeçar a possível nova chapa.

Mas, eis que agora, em um DÉCIMO momento, a Comissão Eleitoral reavaliou toda a documentação desses momentos todos que aconteceram até aqui e decidiu por a Eleição marcada para o dia 12, sexta-feira, está cancelada. 

A Ata com esta decisão foi publicada ontem, no placar da ACIM e hoje bem cedo para os órgãos de comunicação da cidade.

A Ata explica o não cumprimento do Artigo 48, que é montar uma chapa a partir do momento que nenhuma das apresentadas anteriormente foi registrada.

A Comissão se refere a esta chapa, que seria encabeçada por Reinaldo. Apenas ele, Reinaldo apresentou todos os documentos necessários, enquanto outros membros da chapa não o fizeram. Diante disso a Comissão eleitoral decidiu cancelar a eleição do dia 12.

Na Ata, a atual Comissão sugere à Diretoria da ACIM que eleja uma nova Comissão Eleitoral, para que esta possa então ELABORAR UM NOVO EDITAL SEGUINDO AS NORMAS DO ESTATUTO DA ACIM PARA UMA FUTURA ELEIÇÃO.

correiosulgoiano.com.br

Deixe uma resposta